7 de setembro de 2011


Fiquei espantada com a tua resposta, demoraste breves minutos para quem já não falava comigo à um bom tempo. Esperava um 'não' e recebi um 'não sei'. Tiveste de pensar, comigo nunca agiste sem pensar, isso era agradável.
Gostava de te ver, é verdade, mas sabes que os meus olhos viam-te de maneira diferente do que ano passado, vejo-te diferente e caso não saibas, que não sabes, estou chateada contigo, nem sei se te vou abraçar. Passou um ano e até tu estás diferente, como eu, acredita. Nem sei se vens por mim, sempre disseste que era só por mim, sabes muito também. 
Mas sinto que ao estar contigo, vou caminhar sobre pedras muito quentes e vou queimar-me a valer, só gostava que acalmasses esse teu apetite monstruoso; eu nunca soube lidar com ele.
Sei que ias pintar-me de novo o meu coração, encantar-me novamente e iluminar-me essa noite com os teus olhos... tão maravilhosamente verdes.

9 comentários:

N. disse...

de nada querida, seguidora fiel já sabes!

N. disse...

siiieeemmmpreee (;;

N. disse...

LIIIIIIINNNDAAAAA! Tens facebook querida?

Helena disse...

Muita força querida.

Maggie disse...

tem força fofinha :x

Maggie disse...

de nada fofinha !

Maggie disse...

oh :)

N. disse...

ainda bem x)

Rita Carvalho disse...

Gosto tanto dos teus textos!